Arquivo da categoria: Planejando

Em busca da próxima viagem…

Padrão

Em busca da próxima viagem…

Em busca da próxima viagem… já comecei a viajar 13/02/2014

Em busca da próxima passagem… quanto custa uma passagem? 17/02/2014

Em busca da próxima passagem… quando comprar 20/02/2014

Em busca da próxima passagem… onde encontrar 24/02/2014

Em busca da próxima passagem… para Paris! (De novo!) 15/04/2015)

Em busca da próxima passagem… onde encontrar?

Padrão

Tem muitas fontes de busca de passagens:

1) costumo começar pelo Decolar ou pelo Kayak que são dois portais capazes de vasculhar uma grande quantidade de companhias aéreas e com isso tenho uma pista de quais companhias voam para meu destino e como está o preço delas.

Mas sinceramente não gosto de comprar pela Decolar. Já comprei e não pude fazer a reserva de assentos antes do check in no aeroporto, embora não estivesse claro isso no momento da compra. Aí é claro que não tinham 05 lugares juntos… O pessoal da companhia aérea acabou resolvendo o problema do meu “monte de crianças”, mas paguei o mesmo preço que teria pago se tivesse comprado direto pela companhia e passamos por um desconforto desnecessário. Por conta disso pesquiso neste site e vou para o site da companhia que me interessa comprar.

2) os portais acima não apresentam todas as companhias do mundo, normalmente estão lá a Tam, British, Air France, Iberia, Copa, Air Canada, Air Mexico… Mas nunca deixo de pesquisar no site de algumas companhias em especial: a Lan Chile, que tem vôos para a costa oeste americana; a Delta ou United Airlines  que além dos EUA também leva até a Europa; a Singapore Airlines, que voa para Barcelona; a Lufthansa que é boa em promoções para Frankfurt que por sua vez é um belo portão para a Europa.

04 02 IMG_4060

3) e você achou estranho eu mencionar a Singapore Airlines acima? Já contei aqui que a-ma-mos a Singapore, que voa até Barcelona (e Singapura) a partir de SP e costuma fazer ótimas promoções para o primeiro trecho. Ainda que tenha que comprar algum outro trecho a partir de Barcelona pode ficar mais barato do que voar direto. Sem mencionar que Barcelona é linda de morrer, vale muito uns diazinhos por lá, e a Singapore é maravilhosa. Vocês vão perder a inocência e só vão querer voar com ela 😉

4) na mesma linha da Singapore tem a Korean Air (que voa para Los Angeles) e a Qatar ou Turkish ou Emirates que às vezes têm preços ótimos para a Europa com conexão em Istambul, Dubai ou Doha. Já achei passagem para Londres pela Qatar por inacreditáveis U$750! Se também encontrar uma destas compre na hora, não titubeie, tá? E de “regalo” vocês ainda dão uma voltinha por um destes lugares!

Singapore Captura de Tela 2014-02-06 às 23.21.04

Em busca da próxima passagem… quando comprar?

Padrão

Esta é uma pergunta com pelo menos duas respostas. Vamos entender as possibilidades:

Compre com muita antecedência mas de preferência durante uma promoção

Essa condição se aplica especialmente quando você só pode ou precisa viajar na altíssima temporada, durante feirados prolongados, em datas especiais como Natal, Ano Novo ou Carnaval ou durante as férias das crianças.

Mas por que comprar com muita antecedência?

Porque nestas datas especiais as passagens são muiiiito procuradas no mundo todo. Os vôos estarão cheios independente de promoções ou do preço das passagens. E isto acontece todos anos, inclusive sofrendo pouco impacto de eventuais crises econômicas.

Então se estes são seus planos para as próximas férias, comece a planejar com cerca de 12 meses de antecedência. Vá “tomando conta” dos valores das passagens. Compare a oferta de diferentes companhias para o mesmo destino.

Mas ainda não é a hora de comprar… Sabe por que?

Paris Captura de Tela 2014-02-11 às 12.20.02

Por que as companhias costumam fazer algumas promoções ao longo do ano. Percebo que em alguns finais de semana ou durante grandes feriados o preço das passagens baixam, mesmo que sejam passagens para a época do Natal e Ano Novo. Isso não significa que você vai conseguir esta passagem por uns trocadinhos. Mas é bem possível que durante o Carnaval ou a Páscoa você encontre passagens para o Natal por um valor abaixo de U$1.000 – o que é um bom preço. Mais aqui.

E sabe por que?

Tenho minha desconfiança de que se o fluxo de caixa das companhias baixa em determinados finais de semana ou feriados então eles fazem as promoções para manter o fluxo de caixa. Também percebo que durante os meses de alta temporada, janeiro e julho especialmente, as passagens para qualquer lugar e época do ano ficam um pouco mais caras. Desconfio que seja justamente porque as companhias aéreas estão com o fluxo de caixa em alta nestes meses. É só virar fevereiro ou agosto e a coisa dá uma ligeira baixada.

Agora keep attention espere a promoção até em torno de 09 meses de antecedência da sua viagem. Porque se você quer mesmo viajar no Ano Novo, e não tem datas flexíveis, fique sabendo que os vôos estarão cheios, as passagens se esgotarão e quanto mais você demorar para comprar mais caro pagará por elas. Aqui cabe a lei da oferta e da procura. Então não deixe para comprar com 04 meses de antecedência, ou vai pagar caro por isso.

Compre em cima da hora, com (+/-) 02 meses de antecedência

Esta orientação só se aplica se esta não for “a” viagem de férias das crianças, se não for a viagem do Ano Novo, se vocês tiverem datas flexíveis ou uns dias de folga que ficaram sem planos e por fim se o destino também pode ser alterado.

Acontece que os preços de alguns destinos cujos vôos ficaram vazios baixam cerca de 03 meses antes da data do vôo e aí vocês aproveitam! 😉

Já compramos 02 passagens e com mais U$2 viajamos 04 passageiros. Já copramos passagens para Paris pela Air France por U$810. Já encontramos passagens para a Páscoa em Estocolmo por U$850 ou em Paris por U$900 (pelo menos U$250 mais barato do que na opção acima). Já emitimos vôos com milhas no Brasil (ida e volta) por 10 mil milhas. Já voamos para a Argentina (ida e volta) com 18 mil milhas.

Por U$300 a menos chegamos na mesma Paris

Por U$300 a menos chegamos na mesma Paris

Mas em todos estes casos as datas e o destino eram flexíveis, não eram “as” férias das crianças, não tínhamos grandes expectativas e quando apareceu a possibilidade foi como um lindo presente surpresa.

Improvável que este tipo de “surpresa” aconteça no feriado do Ano Novo…

Resumindo minha estratégia

1) tomo conta do preço das passagens com 12 meses de antecedência;

2) compro passagens nos feriados (especialmente Carnaval e Semana Santa) e finais de semana de baixa de preços.

3) evito comprar passagens durante os meses de janeiro ou julho.

4) compro as passagens do final do ano até março, abril no máximo.

5) reservo uns dias livres no ano para aproveitar promoções “inesperdas”.

Mas keep in mind, isso tudo é apenas uma aposta minha, como apostar na bolsa de valores e ter o sangue frio para ver o dinheiro baixar ou as passagens aumentarem e num dia ver o dinheiro crescer e as passagens baixarem… costuma dar certo, tá? 😉

Em busca da próxima passagem… quanto custa uma passagem

Padrão

Algumas viagens começam quando encontro as passagens por um preço bom. É verdade que o destino já fazia parte da minha “listinha” de lugares a conhecer, mas uma passagem por um preço justo muitas vezes é o primeiro passo da próxima viagem.

E você sabe identificar uma passagem por um preço barato ou ao menos justo?

06_02_2014_23_32_25

Vôos Internacionais

Algumas das minhas pistas para passagens saindo do Brasil em direção ao hemisfério norte  – EUA, Europa, Canadá, México, Caribe ( para o oriente custa um tantinho mais, ok?) :

1 – Em dez/1997 compramos passagens São Paulo – Bruxelas e Viena – São Paulo por U$940. Era um preço justo para um vôo de múltiplos trechos. Este virou um valor de referência que me acompanha nestes mais de 15 anos.

2 – Então quando os preços (ida e volta) estão em torno de U$1.000 considero um preço justo, se for o caso pago sem sofrimento. Mas dependendo da possibilidade de baixa, mais sobre isso aqui, às vezes faço uma aposta e aguardo uma possível oscilação para baixo.

3 – Vez ou outra esta oscilação acontece e quando as passagens baixam de U$1.000 não vacilo. Compro sem nem sair da página da internet. Acredite: aconteceu de eu fechar a página, voltar 30min depois e já não encontrar a passagem que queria.

4 – E se a passagem custar mais do que U$1.000? Bem sinceramente, acho que só vale se for por algum compromisso inadiável ou se estiver em cima da hora e sem flexibilidade. Existe um zilhão de lugares interessantes no mundo, tem sempre um destino legal, menos procurado e mais barato do que U$1.250…

06_02_2014_23_29_42

Vôos nacionais

Aí é mais difícil avaliar porque depende da distância. Tenho mais experiência com vôos de SP para o nordeste. De SP ao Rio ou a Cuiabá ou a Porto Alegre ou a Salvador os valores são menores, ou pelo menos deveriam ser!

Minhas referências para os vôos para o nordeste:

1) Vôos cujo trecho (só ida ou só volta) custam cerca de R$400 (2014) são vôos com preços justos. Se der para apostar e aguardar uma promoção pode acontecer de conseguir um preço melhor. Senão, o preço é honesto.

2) Vôos por menos de R$400 o trecho, só ida ou só volta, estão com preços muito bons. Compre logo e não use milhas, não vale a pena queimar milhas com este preço.

3) Vôos por mais de R$500 o trecho (só ida ou só volta) já estão caros. Neste caso talvez fosse melhor usar milhas ou mudar as datas. Não valem todo este $$$.

E fique muiiiito esperto: as passagens no Brasil custam caro, mas tão caro que um trecho (só ida ou só volta) para o nordeste pode chegar a R$1.500 ou R$3.000 ida e volta! Se você leu acima os valores de referência para vôos internacionais acabou de descobrir, que uma passagem “cara” de ida e volta  para o Hemisfério Norte custa cerca de R$2.400 (2014)!!! Então não tem cabimento gastar mais do que você pagaria num vôo caro para NY, Dubai, Paris, Barcelona…, num vôo para… Fortaleza ou qualquer outro lugar no Brasil. Mais aqui.

Por favor seja crítico, é claro que não vale isso de jeito nenhum! Reavalie seus planos e cote Buenos Aires ou Santiago, só o valor da passagem para o nordeste pagará a viagem inteira para um destes destinos…

Singapore Captura de Tela 2014-02-06 às 23.21.04

Em busca da próxima viagem… já comecei a viajar

Padrão

Vou confessar: sou viciada em planejar viagens. Passo horas navegando em sites de passagens e companhias aéreas tentando a conjugação ideal: o lugar dos sonhos – a época perfeita – o melhor preço – as férias das crianças – a feirinha de natal…

Por aptidão e por formação universitária sou planejadora então passar horas tentando equacionar este quebra-cabeças é puro prazer.

Mapas publ

É dessas minhas “brincadeiras” que nasceram muitas de nossas viagens. Quer algumas Dicas para para começar a sua também?

1) tenho uma lista, nada pequena, com os lugares que gostaria de conhecer no mundo. Ah, e conhecer bem o mapa do mundo é de grande serventia.

2) sempre que encontro informações interessantes sobre estes lugares da minha lista eu as guardo… “para quando eu for” 😉

3) não assisto novelas, minha distração à noite  é pesquisar passagens nos sites. Assim vou “tomando conta” dos preços e identificando os movimentos de alta e baixa. Quando os preços baixam eu compro.

4) também me distraio pesquisando casas ou apartamentos ou hotéis em lugares que fazem parte da minha “listinha” de lugares a visitar. De novo, just in case “para quando eu for”, entende?

5) ah e leio muitos e muitos blogs de viagens. Que alimentam minha listinha de lugares a visitar.

6) por fim, também vivo checando a cotação das moedas. Quando percebo uma queda compro. É verdade que enquanto não tinha IOF sobre o cartão de débito isso era mais eficaz, agora talvez nem tanto, mas ainda acho que continua sendo uma alternativa a carregar um monte de dinheiro em cash.

7) Uma dica essencial: planejo tudo com muita antecedência. As próximas férias de dezembro começam a ser desenhadas nas atuais férias de dezembro.

8) e quando a viagem começa a sair do papel passo meus dias estudando o destino e montando o roteiro.

E assim passo a vida viajando, planejando viagens, lendo sobre viagens, escrevendo sobre viagens e sonhando com a próxima viagem…

Este blog publ

2013 in review

Padrão

The WordPress.com stats helper monkeys prepared a 2013 annual report for this blog.

Here’s an excerpt:

A New York City subway train holds 1,200 people. This blog was viewed about 4,100 times in 2013. If it were a NYC subway train, it would take about 3 trips to carry that many people.

Click here to see the complete report.

Paris – quais ingressos devemos comprar antes de embarcar?

Padrão

A maior parte das atrações de Paris tem fila para comprar ingressos, para o guarda-volume, para passar no detector de metais…

Paris é a cidade mais visitada do mundo, logo, você não planejou uma viagem para Paris para fazer meditação no alto da Tour Eiffel, certo?

paris 1

Então fila é inevitável? Mais ou menos… Algumas podem ser evitadas com a compra de ingressos com antecedência. Via internet e no conforto do seu lar é possível economizar umas muitas horas de filas:

1) Chateau de Versailles – as filas são grandes, não hesite em comprar os ingressos antes.O site funciona relativamente bem, mas lembre-se que as transações feitas à noite são sempre mais fáceis.

Você pode escolher visitar apenas o Palácio – Château, ou pode incluir o Trianon e a Vila Rural de Maria Antonieta.

Mais sobre Versailles aqui e aqui.

2) Tour Eiffel – as filas podem durar mais de hora. O site às vezes enrosca, mas não desista, é muiiito melhor comprar com antecedência. Você vai me agradecer quando chegar lá com o ingresso na mão. Uma dica, de novo tente estas transações à noite, o tráfego na internet costuma ser menor e o site da Tour não é muito simples.

O único inconveniente é que a compra antecipada implica uma data e horário fixo, então não se atrase, europeus cumprem horários à risca e se chover… paciência vá na chuva mesmo. Faz parte do jogo.

Mais sobre a Tour Eiffel aqui

3) Museu D’Orsay – se você planeja visitar o D’Orsay compre seus ingressos ainda em casa. Belive-me você  vai agradecer quando vir a fila que alcança a calçada… Isso não significa que não terá uma pequena fila para passar pelo detector de metais, mas olha é bem pequenina diante da fila para a compra de ingressos na hora.

4) Disney – as filas da Disney são menores do que a das atrações anteriores, mas se dá para escapar delas, não hesite!

Escolha o ingresso que te interessa, tem ingressos de 1 para cada parque, tem ingressos de 2 parques no mesmo dia e mais algumas variações sobre o tema. Se comprar com antecedência de uns 30 dias peça para entregar em casa, você terá seus ingressos com seus nomes grafados!

5) Louvre – Ai o Louvre é um probleminha… As filas para os ingressos são grandes… enormes…

Acontece que o Louve não tem venda on line direta, só é possível comprar ingressos com antecedência via algumas lojas e você tem que ir até uma destas lojas retirar o ingresso. Então tem que avaliar, ver a localização das lojas, ver sua programação nos dias que antecedem sua visita. Avalie criteriosamente se vale a pena ir até uma loja buscar os ingressos, quanto tempo isso consumirá? A loja está no seu caminho, próxima a seu hotel?

louvre

Seja qual for sua decisão, deixo uma dica: não chegue no Louvre às 9:00h da manhã quando ele abre. Neste horário a fila não é grande, é enorme, nem cabe dentro da pirâmide! :-0. Deixe esta galera entrar e chegue às 10:00h – 10:30h, a fila ainda existirá, mas estará bem menor.

6) E os outros museus? Compramos os ingressos do Les Invalides e do Pantheon na hora, não encontramos filas, foi bem tranquilo. São lugares mais vazios.

E uma última dica: não compre todos os ingressos com antecedência. Não engesse sua viagem ou a preencha com uma programação exaustiva. Deixe margem para se surpreenderem, para fazerem algo não planejado, para brincarem nos muitos carrosséis, para andarem de patins no gelo, para comerem crepes de chocolate ou pain au chocolat ;-). Use os guias de viagem como sugestão, não os siga à risca. Não vai ser possível conhecer toda Paris numa única viagem, muito menos carregando a galerinha junto, então aproveite muiiito aquela Paris que você puder conhecer!

paris 2

Companhias aéreas – tem uma passagem baratinha, mas você conhece esta companhia?

Padrão

Você viu uma super promoção de uma passagem da Singapore Airlines ou Turkish Airlines ou  Air Europa e não sabe se são confiáveis?

Existe alguns sites que dão uma pista. O Skytrax apresenta os comentários de usuários de mais de 600 companhias áreas, o World Airline Awards apresenta o ranking anual das melhores e piores companhias aéreas around world.  Lá tem a classificação delas por Top 10 ou por região ou a lista das 10 piores. As vencedoras e dez melhores de 2013 estão aqui. 

Nunca deixo de consultar este site antes de comprar aquela super passagem, vez ou outra tenho gratíssimas surpresas. Foi através deste site que chegamos à Singapore e à Lan, nossas preferidas.

Também no site da Decolar é possível verificar a avaliação dos usuários das companhias através de uma nota atribuída numa escala de 0 a 10, onde 10 é a melhor nota. Esta nota aparece ao lado do nome das companhias no painel de resultados da sua pesquisa.

Captura de Tela 2013-09-22 às 22.01.50

Já na hora de escolher os assentos consulto o Seat Guru. Ele tem mapeado todos os aviões e vôos com a configuração de assentos. Com alguma sorte será possível escolher os melhores assentos sem ter que pagar mais alguns bons dólares por isso.

E já que falamos de assentos, sempre marco os assentos com antecedência. Na última hora pode não ser muito fácil acomodar reunida uma família de 5, né?

Veja também nosso Companhias aéreas internacionais – nosso ranking e Companhias aéreas nacionais – nosso ranking.

Conversão de medidas

Padrão

Olha, as conversões ainda não acabaram…

Estas aqui não são essenciais, mas vai que precisa…

1) Galão – 1 gl = 3,8l (para comprar leite ou suco)

2) Onça líquida – 1oz = 0,03l (para comprar yogurte ou suco)

3) Libra – 1 lb = 453gr (para comprar queijo e presunto)

4) Polegadas – 1 polegada (in) = 2,54cm (para comprar sapatos)

5)  – 1 pé (ft) = 30,48cm (nunca usei!)

Não tem a velha agendinha para anotar? Seu iTudo vai converter tudo para você em apps do tipo Units Convert.

Acabou?

Por enquanto acho que sim, ufa!

Conversão de distância e velocidade

Padrão

Ai meu Deus, outra conta para fazer?!

Lo siento, mas faz parte do planejamento da viagem. Então vamos lá:

1) Distâncias: nos EUA e Inglaterra são medidas em milhas. 1 milha= 1,609km

Então multiplique as milhas que você tem que percorrer pelos 1,609km. Ex.: 24 milhas x 1,609 = 38,6km que terá que percorrer.

2) Velocidade: nos EUA e Inglaterra é medida em milhas.  1milha/hora = 1,609km/hora

Então multiplique as 60 milhas/hora que é o limite de velocidade que você deve respeitar em alguns trechos de estrada por 1,609 e chegará a 96,5km/hora como limite de velocidade.

Quer facilitar?

Minha velha tabelinha pré iTudo… dá até para memorizar! Fácil, fácil 🙂

Distâncias:

10 milhas=16km     25 milhas=40km     50 milhas=80km     75 milhas=120km     100milhas=160km…

Velocidade:

10 mi/h=16km/h     25 mi/h=40km/h     50 mi/h=80km/h     75 mi/h=120km/h    100mi/h=160km/h…

Ah, não você é da geração iTudo? Tem os apps Mile to km ou Units convert. Já dá para começar!

Ufa, acabou!

Sapatos – tabela de numeração

Padrão

Como muitas outras medidas, a numeração dos sapatos varia em cada país.

Se tem planos de comprar calçados é melhor já dar uma olhada ainda em casa. Olhe dentro da língua de seu próprio tênis e anote a numeração a que ele se refere nos USA, UK (United Kingdom), EUR. Esta informação também será útil para a compra de calçados mais delicados.

Segunda dica: nunca compre sem experimentar, né? Básico :-)!

Terceira dica: seu iTudo amadíssimo tem um aplicativo: Size it!, que resolverá seus problemas!

E para ajudar, vai uma outra tabelinha dos meus tempos sem iTudo:

Numeração de sapato para crianças:

Brasil Europa Reino Unido EUA
20 22 5,5 6,5
21 23 6 7
22 24 7 8
23 25 7,5 8,5
24 26 8 9
25 27 9 10
26 28 10 11
27 29 11 12
28 30 12 13
29 31 13 13,5 ou 1
30 32 1 2
31 33 1,5 3
32 34 2 4
33 35 2,5 5

Numeração de sapato para mulheres:

Brasil Europa Reino Unido EUA
34 36 3,5 6
35 37 4 6,5
36 38 5 7,5
37 39 6 8,5
38 40 6,5 9
39 41 7 9,5

Numeração de sapatos para homens:

Brasil Europa Reino Unido EUA
39 41 7,5 8
40 42 8 8,5
41 43 8,5 9
42 44 10 10,5
43 45 11 11,5

Ainda tem dúvidas? Sane-as no Convert World, que tem tabelas com sua numeração em todo o mundo. Sem erro!

E se vai para a França, o Conexão Paris tem uma tabelinha pronta com as medidas francesas!

Conversão de moedas

Padrão

Ai, esta conversa pode ser um pouco mais difícil…

Já ouvi incontáveis vezes a seguinte frase: “Nossa, era tudo muito barato! E se a gente não fizesse a conversão aí que era barato mesmo!”  

Não sou economista mas vou tentar explicar porque fazer a conversão é essencial para saber o quanto de fato você está pagando.

O nome da moeda pode ser dólar, euros, libras, pesos, reais etc. Isso é uma unidade de medida.

Então 2 dólares não são iguais a 2 euros, que por sua vez não são iguais a 2 pesos chilenos, que também não são iguais a 2 pesos argentinos, que por sua vez não são iguais a 2 reais, que também não são iguais a 2 pedrinhas ou 2 elefantes!

Os meus Cr$5.300,00 abaixo não são iguais a R$5.300, ou você aceitaria fazer essa troca?

Ainda tenho Cr$ 5.300, alguém troca por R$5.300?

O valor das moedas varia diariamente e o que te interessa é quantos reais você precisa para comprar 1 unidade de qualquer outra moeda na época da sua viagem.

Na cotação de set/2012 U$1 = R$2,10. Então cada dólar que você tem te custou R$2,10. Se você tiver U$100 precisou de R$210 para te-los em sua carteira. Mais ou menos o equivalente a uma diária em um hotel mediano ou um bom jantar tanto faz se ditos U$100 ou R$210.

Já o peso chileno é um pouquinho mais enrolado… em set/2012 estava cotado assim: P$1 = R$0,0043. Se você tiver P$100 precisou de R$0,43 para te-los em sua carteira. Isso mesmo, menos de cinquenta centavos de Reais compraram PS100 chilenos!

Isso significa que com meros R$100 você consegue comprar P$23.000,00! Oba, fiquei rica! Com R$100 compro um carro no Chile!

Não, desculpe decepcioná-la. No Chile estes P$23.500,00 pagam a mesma diária de um hotel mediano ou um bom jantar… não se sentirá uma milionária no Chile com apenas R$100 😦

Mas como saber quanto estou de fato pagando pela Coca Cola que custa “só” 2 dólares? Ou “caros” P$800 chilenos?

Faça a conversão! Multiplique os U$2 da sua Coca pelos R$2,10 que você precisa para comprar cada dólar que você tem. Assim chegará ao resultado de R$4,20, que foi o quanto de fato saiu do seu bolso para que você pudesse tomar aquela Coca Cola nos EUA.

E no Chile? É a mesma conta, só que com mais números: multiplique os muitos P$800 que custam uma Coca por R$0,0043 que você precisa para comprar cada P$ que você tem. O resultado? Sua Coca no Chile custou cerca de R$3,50. Nossa, mais barata que a Coca de “só” U$2!

Se precisar de ajuda: Conversor do Banco Central do Brasil tem uma calculadora que converte todas as moedas. Experimente, é muito bom e fácil! Ah, e se você tem um iTudo, tente os apps Currency Convert ou Currency Exchange.

Oba, agora entendi!

Então, que tal começar a ensinar conversão para as crianças?